The link was sent to your email.

We were unable send the link to your email. Please check your email.

Missing captcha code. Please check whether your browser is not blocking reCAPTCHA.

Invalid captcha code. Please try again.

Online Help

GEO5

Tree
Settings
Product:
Program:
Language:

CSN 73 1002

O programa inclui dois métodos para computar a capacidade de suporte vertical da estaca, através do comentário para a Norma CSN 73 1002 "Pile foundation":

  • Análise de acordo com a teoria do 1º grupo de estados limite

O procedimento é descrito no comentário para a Norma CSN 73 1002 "Pile foundation" , Capítulo 3 "Design", parte B - general solution according to the theory of the 1st group of limit states (pp. 15). Todos os métodos computacionais têm por base as fórmulas aqui apresentadas. A tensão geostática original σor é assumida a partir da superfície final. O coeficiente das condições do comportamento do solo de fundação é considerado para a profundidade z (medida a partir da superfície final).

O comprimento efetivo da estaca, utilizado para a computação da capacidade de suporte da superfície, é reduzido por um segmento:

onde:

d

-

diâmetro da estaca

  • Análise de uma estaca assente em subsolo incompressível

A análise de uma estaca assente em subsolo incompressível (rochas de classe R1, R2) baseia-se na parte G - Analysis of vertical bearing capacity Rc according to CSN 73 1004 - Cometário para a Norma CSN 73 1002 "Pilotové základy". A descrição começa na página 27, com o título "Piles resting on incompressible subsoil".  Os procedimentos utilizados no programa são idênticos. O coeficiente para a influência do assentamento Iwp é interpolado a partir da Tabela 16, que também está presente no programa.

Ao selecionar a opção "análise de acordo com CSN 73 1002", na secção "Estaca", a análise de verificação é realizada exclusivamente de acordo com a Norma CSN 73 1002, não sendo considerado outro qualquer coeficiente. Se esta opção não estiver selecionada, a verificação é realizada com base na metodologia selecionada, adotando os coeficientes respetivos.

Bibliografia:

Československá státní norma ČSN 73 1002 Pilotové základy, Normalizační institut, Praha, 1987.

Československá státní norma ČSN 73 1004 Velkoprůměrové piloty, Normalizační institut, Praha, 1981.

Try GEO5 software yourself.
For free, without analysis restrictions.