The link was sent to your email.

We were unable send the link to your email. Please check your email.

Missing captcha code. Please check whether your browser is not blocking reCAPTCHA.

Invalid captcha code. Please try again.

Online Help

GEO5

Tree
Settings
Product:
Program:
Language:

Verificação de acordo com a EN-1994-1-1

A Norma EN1994-1-1 refere-se às Normas EC2 e EC3 para a verificação de secções transversais em concreto reforçadas por perfis metálicos. As capacidades de suporte parciais do perfil metálico são calculadas de acordo com a EN 1993-1-1 e as capacidades de suporte parciais da secção transversal em concreto são calculadas de acordo com a EN 1992-1-1 e EN 1992-2, respetivamente.

Verificação ao cisalhamento

A capacidade ao cisalhamento da secção transversal é dada por:

onde:

Vpl,a,Rd

-

resistência ao cisalhamento de dimensionamento da secção em aço

VRd,c

-

resistência ao cisalhamento de dimensionamento da secção em concreto

Vpl,a,Rd é definido de acordo com a EN 1993-1-1, capítulo 6.2.6, como:

onde:

AV

-

área de cisalhamento da secção em aço

fyd

-

tensão de cedência de dimensionamento do aço

VRd,c é definido de acordo com a EN 1992-1-1, capítulo 6.2, como:

onde:

fck

-

resistência à compressão característica do concreto

k1

-

coeficiente com valor recomendável de 0,15

σcp

-

tensão de compressão no concreto

bw

-

largura da secção transversal

d

-

altura da secção transversal

A resistência de dimensionamento ao cisalhamento é verificada de acordo com:

A utilização é dada por:

Caso o valor da utilização para o cisalhamento seja superior a 50%, as verificações posteriores para a compressão e flexão terão em consideração a resistência de dimensionamento do aço reduzida (1-ρ)fyd para as partes em aço da secção transversal que transferem cisalhamento. O coeficiente de redução é dado por:

Verificação à compressão

A resistência à compressão é calculada de acordo com a EN 1994-1-1, capítulo 6.7.3.2. O cálculo considera o efeito da redução da resistência de dimensionamento do aço devido à tensão de cisalhamento. Para a secção transversal de concreto fora da secção de aço, assume-se a resistência reduzida do concreto. A resistência total do concreto é calculada na parte em que o enchimento em concreto está rodeada por aço. A resistência à compressão da secção transversal é dada por:

onde:

Aa

-

área da secção transversal em aço

ρ

-

coeficiente de redução de resistência devido ao cisalhamento

AV

-

área de cisalhamento da secção em aço

fyd

-

tensão de cedência de dimensionamento do aço

A1,c

-

área de concreto fora da secção em aço

A2,c

-

área de concreto dentro da secção em aço

fcd

-

resistência à compressão de dimensionamento do concreto

A resistência de dimensionamento à compressão é verificada de acordo com:

A utilização é dada por:

Verificação à flexão

A resistência à flexão da secção transversal é determinada a partir do diagrama de interação de acordo com a EN 1994-1-1, capítulo 6.7.3.2, artigo (5). Os limites do diagrama de interação são a resistência à compressão Npl,Rd e a resistência à flexão Mpl,Rd. Assume-se que o concreto não atua à tração e que a distribuição de esforços está de acordo com a teoria de plasticidade. O esquema para a determinação do momento Mpl,Rd é exibido na figura abaixo. A resistência reduzida do concreto 0.85*fcd assume-se para a parte em concreto fora da secção em aço e a resistência total fcd assume-se para o concreto dentro da secção em aço. A resistência reduzida do aço (1-ρ)*fyd assume-se para as partes da secção em aço que transferem cisalhamento e as restantes partes são consideradas com resistência total fyd. O diagrama de interação é calculado utilizando os valores de origem Npl,Rd e Mpl,Rd e o valore correspondente da resistência à flexão Mpl,N,Rd é determinado para a força normal N aplicada.

Esquema da determinação da resistência à flexão Mpl,Rd

A resistência de dimensionamento à flexão é verificada de acordo com:

O coeficiente αM tem o valor de 0.9 para a tensão de cedência do aço fy < 400 MPa e de 0.8 para a tensão de cedência do aço fy ≥ 400 MPa.

A utilização é dada por:

Try GEO5 software yourself.
Download Free Demoversion.