The link was sent to your email.

We were unable send the link to your email. Please check your email.

Missing captcha code. Please check whether your browser is not blocking reCAPTCHA.

Invalid captcha code. Please try again.

Online Help

GEO5

Tree
Settings
Product:
Program:
Language:

Distribuição Especial do Empuxo Hidrostático

Distribuição especial do empuxo hidrostático

Esta opção permite a introdução manual da distribuição das cargas devido à presença de água à frente e atrás da estrutura, usando o valor da pressão nos poros para diferentes profundidades. A variação da pressão entre poros é linear. Também é necessário definir os níveis de saturação total do solo atrás h1 e à frente h2 da estrutura, incluindo a possibilidade da diminuição do peso volúmico do solo δy à frente da estrutura devido ao fluxo de água.

Exemplo: Dois níveis freáticos diferentes.

Há duas camadas permeáveis (areia ou cascalho) com uma camada impermeável de argila no meio, que provoca a separação de níveis freáticos - ver figura:

Exemplo da distribuição da pressão nos poros

A variação da pressão nos poros acima da camada de argila deve-se ao nível freático livre GWT1. A distribuição de pressão nos poros abaixo do nível freático resulta do rácio do nível freático inferior GWT2, onde a água está sob pressão. A distribuição da pressão na camada de argila é aproximadamente linear.

A atração capilar nesta análise é refletida apenas pelo aumento do grau de saturação, sendo que o valor de γsat deve ser definido nos parâmetros do solo.

Para distinguir regiões com diferentes graus de saturação, devem ser inseridas várias camadas do mesmo tipo de solo com diferentes pesos volúmicos. Pressões nos poros negativas não são consideradas. No entanto, para camadas com diferentes graus de saturação é possível introduzir valores da resistência ao cisalhamento influenciados pela sucção.

Try GEO5 software yourself.
Download Free Demoversion.